UNIFAP – Audiência pública debate processo seletivo diferenciado para indígenas, quilombolas e populações tradicionais

UNIFAP – Audiência pública debate processo seletivo diferenciado para indígenas, quilombolas e populações tradicionais

A Universidade Federal do Amapá (Unifap) promove audiência pública que discutirá sobre processos de ingresso diferenciado para populações indígenas, quilombolas e tradicionais.  A audiência trará também esclarecimentos sobre o Processo Seletivo Extraordinário para Indígenas e Quilombolas no campus Binacional do Oiapoque, cujas inscrições iniciaram na última terça-feira, 12. A reunião ocorrerá no dia 25 de junho de 2018, das 9h às 13h, no anfiteatro da Instituição, localizado no campus Marco Zero do Equador, em Macapá (AP).

A mediação será realizada por um membro do Ministério Público Federal no Amapá (MPF-AP) e outro da Unifap. Cada membro convidado terá o tempo máximo de 15 minutos para expor sua fala, seguida de debate e esclarecimentos junto à plateia.

De acordo com a vice-reitora da Unifap, Adelma Barros-Mendes, o Processo Seletivo Extraordinário para Indígenas e Quilombolas no campus Binacional do Oiapoque (PSEIQ) foi o primeiro passo da Universidade para a implementação de uma política de ingresso voltada aos indígenas, quilombolas e membros de populações tradicionais dentro da Instituição.

“Por ora o ingresso se dará exclusivamente para um percentual de vagas do campus Binacional de Oiapoque. Tendo-se esse PSEIQ como piloto para subsidiar a ampliação dessa política pública que ora a Unifap abarca e que por si tem a necessidade de outros desdobramentos, entre eles, definição de estratégias de permanência dos acadêmicos que ingressarem por meio dessa política pública, que envolve recursos financeiros e humanos”, explica Adelma Barros-Mendes.

Os interessados em participar da audiência pública devem confirmar presença até no máximo dia 19 de junho, por meio dos telefones (96) 3312-1702 e 3312-1703.

Audiência Pública sobre processo seletivo diferenciado para indígenas, quilombolas e populações tradicionais.

Dia 25 de junho de 2018, das 9h às 13h, no anfiteatro da Universidade Federal do Amapá (Unifap) – campus Marco Zero do Equador, em Macapá (AP). Entrada franca e aberta ao público em geral. Os interessados em participar da audiência pública devem confirmar presença até no máximo dia 19 de junho, por meio dos telefones (96) 3312-1702 e 3312-1703.

Compartilhar