UNIFEI – Laboratório Remoto de Física já foi acessado por usuários de mais de 30 países

UNIFEI – Laboratório Remoto de Física já foi acessado por usuários de mais de 30 países

Mapa de acessos, por país, ao Laboratório Remoto de Física da UNIFEI.

O Laboratório Remoto de Física da Universidade Federal de Itajubá (UNIFEI) é um ambiente didático em que todos os experimentos podem ser controlados por meio da internet. Os usuários podem acompanhar em tempo real tudo o que acontece e realizar leituras de instrumentos de medidas com auxílio das imagens fornecidas pelas câmeras distribuídas nos experimentos.

Segundo o coordenador do laboratório, professor Thiago Costa Caetano, do Instituto de Física e Química (IFQ), existem poucos laboratórios dessa natureza em todo o mundo e este, de modo particular, é único sob o aspecto de que permite que sejam realizadas práticas experimentais investigativas, aproximando-se ainda mais de uma prática convencional.

A ideia de se construir um laboratório onde todos os experimentos possam ser operados remotamente apoia-se no fato de que uma parcela significativa das escolas de níveis fundamental e médio ou mesmo, em alguns casos, escolas técnicas ou de nível superior não possuem um laboratório de Física minimamente equipado ou possuem laboratórios incompletos. Considerando ainda a oferta crescente de cursos na modalidade à distância, o recurso da experimentação remota torna-se algo interessante, dada a dispersão geográfica observada normalmente entre os estudantes dessa modalidade de ensino.

Os primeiros passos do desenvolvimento desse laboratório na UNIFEI ocorreram no ano de 2012, no Departamento de Física e Química do então Instituto de Ciências Exatas. Inicialmente, o espaço destinado ao novo ambiente didático era uma sala pequena, improvisada, com menos de 15 metros quadrados.

O desenvolvimento expressivo do laboratório passou a ocorrer a partir do ano de 2015, após a criação do IFQ da UNIFEI e com a inauguração das suas novas instalações, quando uma área de aproximadamente 70 metros quadrados foi destinada a essa finalidade. Com a nova infraestrutura, diversos sistemas puderam ser aprimorados, como as interfaces computacionais voltadas para a web e a automação dos experimentos, que agora contam com hardware projetado e construído especificamente para cada um.

Atualmente, o Laboratório Remoto de Física é utilizado nas disciplinas de Física Geral I, Prática de Ensino de Física e Prática de Ensino de Física II. Porém, ele já foi acessado por usuários de mais de 30 países, como é possível ver no mapa de acessos (https://labremoto.unifei.edu.br/src/show-accesses.php).

O laboratório é utilizado também para a oferta de cursos voltados para os estudantes da licenciatura em Física, com o propósito de instrumentalizar os futuros docentes para um ensino que seja consistente com o cenário atual, em que se faz necessário trabalhar, de forma articulada, as novas tecnologias em sala de aula, a fim de que os estudantes possam ter uma formação que lhes permita participar da sociedade a que pertencem, rodeada de recursos tecnológicos e em constante transformação.

O acervo do laboratório está acessível 24 horas por dia pelo endereço https://labremoto.unifei.edu.br/src/welcome.php e é totalmente gratuito.

 

Compartilhar