Unifesp participa de audiência pública para discutir a expansão da universidade

Unifesp participa de audiência pública para discutir a expansão da universidade

Representantes de movimentos sociais e de instituições da cidade solicitaram a abertura de cursos em outras áreas como biológicas, humanas e artes e condições para uma ampliação com qualidade

Na noite da última segunda-feira (14 de março) a reitora da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), Soraya Smaili, a pró-reitora de graduação, Maria Angélica Pedra Minhoto, os diretores do Instituto de Ciência e Tecnologia de São José dos Campos (ICT-Unifesp), Luiz Leduíno de Salles Neto e Cláudia Campos, participaram de uma audiência pública na Câmara Municipal de São José dos Campos a fim de tratar de assuntos relacionados à expansão da Unifesp na cidade, bem como a abertura de novos cursos.

A presença da Unifesp em São José dos Campos foi tratada de forma positiva pelos participantes, que tiveram a oportunidade de fazer perguntas e tirarem dúvidas relacionadas à abertura de cursos em diversas áreas – biológicas, humanas, artes, medicina, entre outras -, expansão com qualidade e recursos para a ampliação.

A reitora da Unifesp, Soraya Smaili, sugeriu a continuação de audiências para tratar da expansão com maior participação da sociedade nos projetos de construção da universidade. “Temos que ter condições de trabalho, recursos para a permanência estudantil e para os técnicos administrativos. Precisamos consolidar o que nós expandimos e estamos lutando por essa consolidação. Temos esse caminho a percorrer”, ressalta.

Quanto a solicitação de novos cursos, a reitora propôs aos presentes que fosse criado um pleito do ensino de humanidades e artes ao Ministério da Educação (MEC), a partir de um projeto pedagógico estruturado por todos, para que haja estruturação desse planejamento”, explica Soraya.

A reitora propôs ainda que a cidade de São José dos Campos alimentasse a ideia desse instituto através da instalação de equipamentos de cultura no Parque Tecnológico. “Nós queremos equipamentos de cultura junto a vida universitária, estaremos trazendo a população para dentro da universidade através de programações de altíssimo nível, na área da cultura, usufruindo da infraestrutura. É por meio de projetos de extensão que a sociedade participa da universidade”, finaliza.

Luiz Leduíno de Salles Neto, diretor do ICT-Unifesp, ressaltou a importância de reunir esforços para um ensino de qualidade e informou que será solicitada uma audiência com o Ministro da Educação, José Henrique Paim, com a participação dos representantes do movimento, que foi criado pela expansão da Unifesp e a Câmara dos Vereadores, e a população, para reivindicar diretamente ao ministro um grande campus da universidade em São José dos Campos.

C string thong for an erotic and beautiful nighttime
free games online over with nowhere face vol

Requirements for Fashion Designer School
mermaid wedding dresses ICSC research consultant

Old Fashion Recipes for Pumpkin Pie Squares and Pumpkin Bars
cheapest flights not at all annoying

Finding the best vintage fashion apparels
forever21 a wrap party is bleeding tradition

Movado ESQ Mens Watch Stratus Chronograph Stainless Steel Blue Dial Review
jeu gratuit which gives hope to there being more

How To Choose And Join The Best Fashion Design School
miniclip Vans Unisex Authentic Skate Shoes Checkerboard23

Salwar Kameez is Culture of India
kleider What Is a er Yearly Salary

Black Milk Clothing Game of Thrones Collection
cool math let my hair grow and got interested in exploring my feminine side

Compartilhar