UNIR – Aprova novas bolsas de PIBIC, PIBITI e implantação do PIBIC-AF no CNPq em meio a cortes de recursos

UNIR – Aprova novas bolsas de PIBIC, PIBITI e implantação do PIBIC-AF no CNPq em meio a cortes de recursos

O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), por meio da Chamada PIBIC nº 10/2020, aprovou para execução no ciclo 2020-2021, 89 bolsas do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (PIBIC) para a Fundação Universidade Federal de Rondônia (UNIR), representando um crescimento de 11% em relação às 80 bolsas concedidas no ciclo anterior, com um aporte financeiro de R$ 427.200,00, cuja contrapartida da UNIR é de 100 bolsas, totalizando 189 bolsas. No julgamento da Chamada 10/2020-PIBIC, o CNPq considerou os objetivos do PIBIC (formação e inserção de estudantes em atividades de pesquisa nas áreas prioritárias estabelecidas pelas portarias do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTIC) nº 1122/2020 e nº 2 1329/2020) e a dimensão da pós-graduação e da pesquisa na instituição.

Além disso, os itens avaliados foram a composição dos Comitês Externos e Institucionais, o histórico dos programas de iniciação científica; os principais resultados obtidos pelos programas de iniciação científica ao longo dos anos; as principais estratégias de gestão dos programas de iniciação; a contra partida institucional com programas de iniciação científica próprios e de outros órgãos de fomento ou outros parceiros; a aderência às cinco áreas prioritárias e transversais, definidas nas portarias do MCTIC nº 1122/2020 e nº 2 1329/2020; a inserção dos alunos em projetos científicos; a participação em grupos e redes de pesquisa. A avaliação levou em consideração aspectos quantitativos e qualitativos, respeitando também as especificidades de cada Instituição.

A UNIR aprovou também, junto ao CNPq, a concessão de duas bolsas para a implantação do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica nas Ações Afirmativas (PIBIC-Af), por meio da Chamada PIBIC-Af nº 14/2020, com um aporte de R$ 9.600,00, cuja contrapartida da UNIR será de 5 bolsas a serem concedidas no ciclo 2020-2021. No julgamento da proposta, por se tratar de uma política voltada para a afirmação de direitos e, consequentemente, para a inclusão daqueles a quem as políticas de ação afirmativa se volta, o CNPq buscou atender ao máximo de instituições, sempre respeitando os critérios definidos pela agência financiadora. Assim, foram valorizadas as ações já desenvolvidas por aquelas instituições com tradição na manutenção de políticas de inclusão, mas  também foram reconhecidas as iniciativas de instituições que tencionam introduzir essas políticas. Já no Programa Institucional de Bolsas de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação (PIBITI), houve uma redução na concessão pelo CNPq, sendo aprovadas 7 bolsas em nível recursal para execução no ciclo 2020-2021, cuja proposta foi submetida à Chamada PIBITI nº 08/2020, com um aporte de R$ 33.600,00, tendo 15 bolsas como contrapartida da UNIR, totalizando 22 bolsas. No julgamento, o CNPq considerou a composição dos Comitês Externos e Institucionais, o número de registros de patentes realizados nos dois últimos anos, a existência de um Programa Institucional de Bolsas com recursos próprios da Instituição, interações com setores empresariais, o número de bolsistas Produtividade em Desenvolvimento Tecnológico e Extensão Inovadora (DT), a existência de incubadoras e a assimilação satisfatória dos conceitos e procedimentos do PIBITI, diferenciando-o claramente do PIBIC nos Editais de Seleção de Projetos. Conforme o Ofício n° 008/2020/GAB/PRE, por deliberação da Diretoria Executiva do CNPq, diante do efeito da pandemia de COVID-19, foram prorrogadas todas as bolsas IC e IT, dos Programas Institucionais de Iniciação Científica e Tecnológica (PIBIC e PIBITI), vigentes até 31/07/2020 (ciclo 2019-2020), pelo período de 1 (um) mês, sendo que todas as bolsas passaram a vigorar até 31/08/2020, com alteração do calendário das chamadas em curso (ciclo 2020-2021) para setembro de 2020 a agosto de 2021 (12 meses).

Fonte: UNIR

Compartilhar