Home Universidades Federais UFAL e Pilar se unem em macroprojeto de cooperação e aperfeiçoamento da gestão pública

UFAL e Pilar se unem em macroprojeto de cooperação e aperfeiçoamento da gestão pública

0
0
Reitor Josealdo Tonholo apresentou projetos durante a oficina.

Iniciativa foi apresentada durante a 1ª Oficina de Cooperação Ufal-Pilar

A Universidade Federal de Alagoas (Ufal) e a Prefeitura do Pilar, município situado na Região Metropolitana de Maceió, deram nesta sexta-feira (18) o primeiro passo efetivo rumo ao estabelecimento de uma parceria que fará da cidade um laboratório para ações e projetos empreendidos por pesquisadores, técnicos e estudantes da Ufal. As iniciativas atenderão a demandas da gestão pilarense, que reuniu professores da instituição e membros da administração municipal na 1ª Oficina de Cooperação Ufal-Pilar.

A oficina ocorreu no Espaço Cultural Mestra Bida, localizado em Pilar, com liderança do reitor Josealdo Tonholo e do prefeito Renato Filho. Participaram a atividade membros da gestão municipal pilarense e do corpo docente da Ufal, entre eles os pró-reitores de Gestão Institucional, Arnóbio Cavalcante, e de Extensão, Clayton Santos (Proex), além de diretores de unidades acadêmicas como Leonea Santiago, do Instituto de Educação Física e Esporte (IEFE), e parlamentares estaduais como a deputada Fátima Canuto. Após palavras de abertura e a exposição da metodologia de trabalho, grupos foram formados para o início do pensar coletivo sobre os projetos.

“A Ufal aceitou o convite da gestão do Pilar e veio aqui nesta manhã ofertar mais uma demonstração inequívoca de que está devotada ao estabelecimento de parcerias rumo à execução de ações de pesquisa, extensão e ensino que promovam o desenvolvimento de nosso estado e de seus municípios. O prefeito Renato Filho, competente, atuante e conectado com as necessidades da gestão pública contemporânea, está neste momento dando prova de que uniões como esta – da Universidade e de gestões públicas municipais – são extremamente eficazes em busca do aperfeiçoamento das administrações e do atendimento das demandas da sociedade”, disse o reitor Josealdo Tonholo.

Já o prefeito Renato Filho, afirmou que sua administração “está empenhada em promover dias melhores para o povo do Pilar e, neste sentido, esta parceria com a Ufal vem para trazer à gestão municipal o aporte de competências e saberes que serão utilizados 100% na promoção do bem-estar e do futuro dos pilarenses”. Renato Filho ainda reiterou que “quer fazer do município do Pilar um campo para a aplicação de projetos inovadores, com a chancela da Universidade Federal, na certeza de que o município e sua sociedade em muito ganharão no quesito de modernização da máquina pública municipal e de avanço nos indicadores municipais”.

As propostas de ação da Ufal sob demanda da Prefeitura do Pilar vão se desdobrar em projetos voltados ao Complexo Estuarino Lagunar Mundaú-Manguaba (CELMM), com foco em estudos ambientais, monitoramento de poluentes e tecnologias de desassoreamento; ao turismo e à sustentabilidade, incluindo a potencialidade de uso do CELMM; a pesquisas sobre petróleo e gás, relativas às novas oportunidades de negócios; ao uso das energias alternativas, tecnologias solar, eólica e biomassa; à educação empreendedora visando erradicação da extrema pobreza; às ações de integração social com envolvimento de jovens, atividades de saúde, esporte, lazer; e às Tecnologias da Informação e Comunicação (TICs) sobre cidades digitais/inteligentes; entre outras áreas.

Carregue mais artigos relacionados
Carregue mais em Universidades Federais

Deixe uma resposta

Vejam também

MS quer promover ações de equidade em saúde em parceria com universidades

Chamamento da pasta pretende selecionar soluções tecnocientíficas, com foco em Atributos d…