Home Universidades Federais FURG – Restaurantes universitários auxiliam na permanência de estudantes em tempos de pandemia

FURG – Restaurantes universitários auxiliam na permanência de estudantes em tempos de pandemia

0
0

Ações de acolhimento e interação a distância fazem parte do cardápio atual

Com a pandemia de Covid-19, diversos espaços universitários precisaram se reinventar e adaptar seu funcionamento para se adequar às medidas sanitárias necessárias. Na FURG, um desses espaços foi o Restaurante Universitário (RU). Em Rio Grande, a FURG conta com dois RUs dentro do Campus Carreiros e um no Centro de Convívio Meninos do Mar (CCMar).

De acordo com a Pró-reitoria de Assuntos Estudantis (Prae), muitos estudantes permaneceram em Rio Grande devido à necessidade de seguir com os estágios e trabalhos, ou ainda, por medo de contaminar pessoas idosas do seu núcleo familiar com a Covid-19. Com isso, a equipe se preocupou em levar conforto através da comida.

Os restaurantes universitários da FURG, já considerados essenciais pela comunidade acadêmica, se tornaram primordiais na pandemia. Fernanda Pohlmann, responsável pela Coordenação de Alimentação, Alojamento e Transporte (Caate), explica que o trabalho atende centenas de estudantes que dependem do RU: “a equipe atua como meio de manter uma alimentação equilibrada, adequada e segura para nossos estudantes, primando pela saúde e pela manutenção da vida”.

Ações de acolhimento
Durante o período de isolamento, foram realizadas diversas atividades para amenizar os efeitos da pandemia. De acordo com Fernanda, além de aproximar a equipe dos alunos, as atividades também buscam preservar a saúde mental principalmente dos moradores das Casas do Estudante Universitário (CEUs).

A mais recente foi realizada no Dia das Mães, com um concurso para celebrar a data. Os moradores das CEUs podiam enviar receitas que lembrassem o aconchego de casa e o prato escolhido em votação foi servido no Dia das Mães. Paulo Henrique Medeiros, estudante de Engenharia Bioquímica, teve a receita escolhida e agradeceu à equipe: “Eu não vejo minha família desde o começo da quarentena. É complicado voltar para casa quando a mãe é hipertensa e a vó tem mais de 60 anos, mas eu me senti um pouco em casa com essa comida, está maravilhoso a receita está perfeita exatamente o mesmo gosto. É como se minha vó tivesse vindo aqui e feito, obrigado de verdade mesmo”.

Além do concurso, o RU preparou uma ceia de Natal 2020, realizou um concurso de Dia dos Namorados em 2020, com brindes, e pratos especiais na Páscoa 2020 e 2021.

Funcionamento
Atualmente, apenas o RU 2 segue em funcionamento. Em razão da pandemia, o tradicional sistema de buffet foi proibido e o restaurante adotou a entrega de marmitas para fornecer as refeições aos estudantes.

Após a implementação de um sistema elaborado pelo estudante Kennedy Mota, formando de Engenharia de Automação, foi criado um sistema de pedidos eletrônico para todos os moradores. “Começamos um uma planilha física, mas causava muito transtorno e erro nas entregas”, conta
Fernanda.

A partir da criação do sistema, foi montado um grupo no WhatsApp com os responsáveis pelo recebimento de marmitas de cada Casa do Estudante, além da equipe do RU e da Prae. De acordo com a coordenadora da Caate, a cada dois dias é disponibilizado o link para os pedidos. A entrega das marmitas em cada CEU é realizada pela equipe do restaurante. “É um trabalho minucioso e extremamente competente, porque especifica a quantidade de comida que o aluno deseja, o tipo de proteína, a guarnição, etc, realizado pela nutricionista do RU 2, Melina da Luz”, explica Fernanda.

Nos campus fora de sede, a FURG ainda não tem RU. Mas para que quem está em situação de vulnerabilidade socioeconômica possa se alimentar nos dias em que tem aula, a universidade disponibiliza um auxílio alimentação pecuniário, que ajuda a garantir a segurança alimentar.

E desde que começou a pandemia, em todos os campus, a Prae realiza mensalmente a entrega do Auxílio Alimentação Emergencial, um benefício de caráter provisório que busca atender estudantes em situação de vulnerabilidade socioeconômica em função da pandemia com uma cesta básica para que possam preparar sua alimentação.

Impacto da pandemia nos RUs
Em 2019, o RU 1 ofereceu 236 mil refeições para os estudantes da FURG, no período de janeiro a dezembro. Com funcionamento apenas nos primeiros meses de 2020, a produção foi de 5 mil refeições.

Já o RU 2, que segue em funcionamento e atende principalmente os moradores das Casas do Estudante, ofereceu cerca de 274 mil refeições em 2019 e em 2020 produziu cerca de 132 mil, o que representa uma diminuição de 48%.

O RU CCMar atende principalmente os estudantes da área da saúde. Em 2019, ofereceu cerca de 73 mil refeições e em 2020 produziu 23 mil.
Os números apresentados pela equipe da Pró-reitoria de Assuntos Estudantis refletem o impacto que a pandemia teve na vida acadêmica, e, ao mesmo tempo, reforça a importância da oferta de uma alimentação adequada para a permanência dos estudantes na universidade.

Carregue mais artigos relacionados
Carregue mais em Universidades Federais

Deixe uma resposta

Vejam também

Um encontro entre Estado, Governo e Universidade – Por Gustavo Balduino

Essa trilogia busca, pelos olhos e nos limites desse observador, interpretar politicamente…