Home Universidades Federais UFPE realiza projeto Lideralepe em parceria com Assembleia Legislativa

UFPE realiza projeto Lideralepe em parceria com Assembleia Legislativa

0
0

Intitulado “Desenvolvimento de Lideranças”, o primeiro curso on-line promovido pela parceria terá 64 horas-aula

Para contribuir com a formação de novas lideranças no estado, a Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) lançou, no último dia 1º, o projeto Lideralepe. A iniciativa tem parceria da coordenação do curso de Ciência Política da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), do Campus Recife, para realização do primeiro curso da programação, que acontece no período de 14 deste mês a 28 de maio.

Intitulado “Desenvolvimento de Lideranças”, esse curso on-line terá 64 horas-aula, com disciplinas típicas da área de Ciência Política, como sistema eleitoral, instituições, democracia, políticas públicas, marketing político, sistema político, entre outras (a programação completa pode ser vista abaixo).

O conteúdo é promovido pela Alepe, por meio da sua Escola do Legislativo (Elepe), em parceria com o curso de Ciência Política da UFPE. As inscrições podem ser feitas gratuitamente pela internet.

“Nosso objetivo é democratizar o conhecimento da Ciência Política e fazer com que aquelas pessoas que desejam entrar na política ou desejam adquirir uma melhor formação na área da Política tenham esta oportunidade”, explicou o professor Adriano Oliveira, coordenador da graduação na UFPE. Ele também vê nessa parceria, que pode gerar novas ações futuras, uma forma de evidenciar a graduação em Ciência Política junto à sociedade e gerar oportunidades para estudantes e profissionais.

O projeto Lideralepe busca mostrar as mudanças no ambiente político moderno e as inovações que são exigidas para o exercício de liderar. A programação inclui capacitação, seminários, palestras, simpósios e outras atividades desenvolvidas pela Alepe. O público-alvo são vereadores, prefeitos, secretários municipais, lideranças comunitárias, estudantes dos ensinos médio e superior e demais pessoas interessadas. As atividades são gratuitas.

A Alepe pretende alcançar as 12 Regiões de Desenvolvimento do Estado, inicialmente com cursos on-line, com previsão de formar cerca de 1.200 alunos no primeiro semestre deste ano. O projeto marca o aniversário de 186 anos da Assembleia.

Na cerimônia de lançamento on-line do Lideralepe, o reitor da UFPE, Alfredo Gomes, comemorou a parceria e destacou a importância do conhecimento para pautar adequadamente as questões de ordem política, social, econômica, cultural e ambiental. “O conhecimento fornece as condições adequadas para um diagnóstico preciso, um diagnóstico correto e para construção também coletiva de ações que busquem construir a unidade, construir, portanto, uma coerência mais precisa entre aqueles preocupados com a superação dos graves problemas que enfrenta o Brasil. Precisamos, portanto, fazer esse trabalho de união, de diálogo permanente”, disse.

Para o presidente da Alepe, deputado Eriberto Medeiros (PP), o projeto visa a oferecer à sociedade uma formação moderna, em sintonia com os principais temas da atualidade. Assim, ainda segundo ele, a Alepe poderá contribuir para a formação de líderes que façam a diferença na sociedade, de modo que a população se sinta cada vez mais representada pela Assembleia Legislativa.

O vídeo da solenidade, que contou com palestra do renomado estrategista político espanhol Antonio Sola, está disponível no YouTube da Alepe.

Confira o conteúdo do curso “Desenvolvimento de Lideranças”

Sistema Eleitoral Brasileiro (Amanda Domingos – mestre em Ciência Política); Marketing Político e Estratégias (Adriano Oliveira – doutor em Ciência Política); Comunicação e Democracia (Priscila Lapa – doutora em Ciência Política); O Papel do Legislativo na Democracia (Jorge Oliveira – mestre em Ciência Política); Gestão Democrática e Liderança, Gênero e Diversidade (Luma Neto – mestre em Ciência Política); Transparência, Ética e Integridade (Airton Cunha – doutor em Sociologia); Equidade, Inclusão e Direitos Humanos (Diogo Cunha – doutor em Ciência Política); Políticas Públicas em Saúde (Marcus Vinicius – mestre em Ciência Política); Políticas Públicas em Educação (Virgínia Rocha – mestre em Ciência Política); O Brasil no Ambiente Internacional (Rafael Mesquita – doutor em Ciência Política); Comunicação Oral de Líderes (Gilberto Silva – professor e consultor em Oratória); e Processo Legislativo.

Carregue mais artigos relacionados
Carregue mais em Universidades Federais

Deixe uma resposta

Vejam também

UFRA lança campanha “70 Anos em 70 Posts” para relembrar fatos importantes sobre a primeira rural do Norte

São sete décadas de atuação na Amazônia e muitas histórias pra contar. Por isso, a partir …