Home Universidades Federais UFGD recebe doação de 358 aparelhos celulares da Receita Federal

UFGD recebe doação de 358 aparelhos celulares da Receita Federal

0
0

Na última semana, representantes da Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD) estiveram na Receita Federal de Ponta Porã para retirar uma doação de 358 aparelhos de telefonia celular.

Os aparelhos foram destinados à UFGD por meio de um ato de destinação de mercadorias. Os celulares são da marca Xiaomi, modelo Mi9. Os telefones serão patrimoniados pela Instituição e, a partir do próximo semestre letivo, serão disponibilizados para uso de estudantes da Universidade. Para tanto, a UFGD lançará um edital em que serão selecionados alunos com perfil socioeconomicamente vulnerável e que precisam de equipamentos adequados para participar das atividades de ensino remoto.

De acordo com o delegado da Receita Federal, Marcial Cezar Marques Pirrazo, é muito gratificante para os servidores da Alfândega de Ponta Porã saber que os aparelhos que foram apreendidos em situação ilegal terão uma nobre destinação, já que serão usados para que jovens em situação de vulnerabilidade socioeconômica tenham acesso à educação superior.

A contrapartida que a Receita Federal solicita é que os estudantes beneficiados com o uso dos aparelhos façam um minicurso sobre responsabilidade fiscal, para que possam compreender a dinâmica e a importância dos impostos e dos tributos pagos pela sociedade para a manutenção das atividades do setor público.

RAEMF

No dia 26 de julho inicia-se mais um semestre de aulas na UFGD, seguindo o Regulamento Acadêmico por Modalidades e Fases (RAEMF). O RAEMF prevê que, conforme a situação da saúde pública nacional e regional, a UFGD pode se enquadrar em uma de quatro fases: verde, amarela, laranja e vermelha. Para o próximo semestre, a UFGD se manterá na fase vermelha, indicando que apenas atividades não presenciais serão ofertadas até o final do ano.

A fase de risco é avaliada pela Câmara de Ensino de Graduação (CEG), composta pelos coordenadores dos cursos de graduação e, também, pelos membros do Conselho de Ensino, Pesquisa, Extensão e Cultura (CEPEC). Essa avaliação deve ser referenciada pelas fases sanitárias do PROSSEGUIR, respaldadas pelos dados das secretarias de saúde local, regional e estadual e do Ministério da Saúde, levando em consideração também o andamento do Plano Nacional de Imunização.

Diante dessa situação, a doação dos aparelhos telefônicos pela Receita Federal é fundamental para oferecer apoio aos estudantes que não têm equipamentos adequados para as atividades de ensino remoto.

Carregue mais artigos relacionados
Carregue mais em Universidades Federais

Deixe uma resposta

Vejam também

Prêmio Andifes de Jornalismo 2021

Cartaz do Prêmio Andifes de Jornalismo 2021 Regulamento do Prêmio Andifes de Jornalismo 20…