Home Universidades Federais Unifesspa realiza seminário sobre políticas públicas e dialoga com gestão municipal em Canaã dos Carajás

Unifesspa realiza seminário sobre políticas públicas e dialoga com gestão municipal em Canaã dos Carajás

0
1

A Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa) cumpriu, nesta semana, uma extensa agenda no município de Canaã dos Carajás, onde funciona o Polo de Ensino, Pesquisa, Extensão, Tecnologia e Inovação (Pepeti) da Instituição. De 25 a 17, servidores da Universidade e da Prefeitura Municipal participaram de seminário acadêmico e visitaram as obras das futuras instalações da Unifesspa na cidade, além de uma área que também será doada para o desenvolvimento de atividades acadêmicas.

O II Seminário Políticas Públicas para o Desenvolvimento Regional em Canaã dos Carajás, um dos convênios desenvolvidos nesta parceria, que já existe desde 2019, reuniu docentes e discentes de diversas unidades. “O investimento na educação pública, através da Unifesspa, é um legado maravilhoso que esta gestão do município pode deixar e transformar vidas. O Pepeti é um esforço para fazer que ensino, pesquisa e extensão dialogue para formar centenas de agentes de desenvolvimento local que vão atuar nas diferentes áreas, um desenvolvimento com bases fortes”, afirma o prof. Dr. Diego de Macedo Rodrigues, diretor do Pepeti.

No evento, resultados parciais de projetos selecionados por um edital específico, foram apresentados ao público. A ideia é que políticas públicas sejam desenvolvidas com fundamentos nesses processos de investigação acadêmica.

Segundo a secretária municipal de educação de Canaã, Roselma da Silva Feitosa Milani, “a educação de Canaã dos Carajás festeja a possibilidade de discutir políticas públicas. Para que a gente construa uma educação de qualidade, coesa, nós precisamos da universidade. Nós acreditamos nessa educação cíclica que começa na creche e vai até a pós-graduação”. A gestora destacou, ainda, a importância da formação cidadã: “queremos buscar cidadão livres para exercerem seus direitos e conscientes para cumprirem seus deveres”, ressaltou Milani.

A vice-reitora da Unifesspa, profa. Dra. Lucélia Cavalcante, que também coordena um projeto e uma especialização junto ao município, enfatizou o intercâmbio entre o poder municipal e a universidade. “Esse diálogo tem uma importância muito grande para a Universidade. Ver de perto esse movimento de parceria sólida e de referência faz toda a diferença. A ciência pode transformar a sociedade e as pessoas. E a dimensão educativa é o pilar maior do processo de desenvolvimento, de transformar sociedades e vidas”, afirmou a vice-reitora.

Educação como promotora de desenvolvimento

Josemira Gadelha, prefeita de Canaã dos Carajás, também articulou os próximos passos da atuação da gestão municipal junto à Unifesspa, apresentando novas demandas de cursos, e aludindo à criação futura de um campus. “Nenhum projeto de desenvolvimento pode ser grande se ele não passar pela educação. A educação é um projeto de investimento nas pessoas. Aqui em Canaã nós seremos conhecidos não mais como uma cidade mineradora, mas, como uma cidade universitária e educadora. Por isso, estamos investindo fortemente e daí a parceria com a Unifesspa”.

Ainda na programação, a equipe da Unifesspa e da Prefeitura do município visitaram a área em que será instalada o projeto “Fazendo Escola”, projeto modelo de integração de atividades acadêmicas. O terreno está em processo de doação para a Unifesspa, que vai atuar com diversos cursos, envolvendo professores, alunos e técnicos administrativos.

O reitor da Unifesspa, prof. Dr. Francisco Ribeiro, destacou a relevância de um legado para além do que sobrará da exploração atual dos recursos minerários. “Todo esse movimento mostra a importância que o município dá à educação. É extremamente relevante perceber a preocupação da gestão municipal, desde os primeiros anos de formação até a universidade. Este município tem uma grande importância para o cenário nacional, já que é responsável por cerca de um terço da exploração mineral brasileira. Então, ele tem uma grande relevância para o país. Nada mais significativo que o investimento maior seja na educação para que haja aqui outros legados para além dos minérios”, concluiu.

A prefeita de Canaã também fez novas demandas de novas turmas à Unifesspa: Medicina Veterinária, Psicologia, Pedagogia, Engenharia Civil, Engenharia Elétrica, Engenharia Mecânica e uma especialização na área de Arquitetura. Atualmente, o Pepeti/Unifesspa já possui turmas a partir de convênio, dos cursos de Letras, Agronomia, Engenharia Civil, Engenharia Mecânica, Engenharia Elétrica e Artes Visuais, Além da especialização em Educação Inclusiva. Novas turmas de Jornalismo, Licenciatura em Matemática, Engenharia Florestal, Engenharia da Computação e Física farão seleção ainda este ano, para iniciar as aulas em 2022.

Carregue mais artigos relacionados
Carregue mais em Universidades Federais

Deixe uma resposta

Vejam também

Prêmio Andifes de Jornalismo 2021

Cartaz do Prêmio Andifes de Jornalismo 2021 Regulamento do Prêmio Andifes de Jornalismo 20…