Home Universidades Federais UFBA retomará atividades acadêmicas presenciais em 2022.1

UFBA retomará atividades acadêmicas presenciais em 2022.1

0
1

A Universidade Federal da Bahia retomará, no semestre 2022.1, as atividades presenciais de ensino, pesquisa e extensão suspensas desde março de 2020, em função da pandemia do coronavírus. A decisão foi tomada por unanimidade pelo Conselho Universitário, reunido no dia 12 de novembro. O semestre 2022.1 começará no dia 07 de março e irá até 09 de julho.

A resolução do Consuni estabelece condições para um retorno seguro e inclusivo, com a qualidade própria da UFBA. Apenas os professores, técnicos e estudantes completamente vacinados – com duas doses ou dose única – poderão frequentar os espaços da Universidade, haja vista a manutenção do estado de emergência sanitária por conta da pandemia. Ainda que, no momento, o cenário epidemiológico seja favorável ao retorno presencial, será obrigatória a utilização de máscaras e o respeito a normas de biossegurança (como uso de álcool em gel e distanciamento mínimo entre assentos em salas e laboratórios, entre outros), conforme parâmetros estabelecidos por um Plano de Contingência a ser publicado em breve pelo Comitê de Acompanhamento da Covid na UFBA.

O semestre 2022.1 será a um só tempo regular – ou seja, terá seu planejamento acadêmico definido a partir das demandas dos colegiados dos cursos, como já vem ocorrendo – e especial – já que, dada a atipicidade em função da pandemia, não contará para fins de tempo máximo de curso e permitirá o trancamento de disciplinas a qualquer momento do semestre letivo.

A resolução preserva profissionais e estudantes portadores de comorbidades e seus respectivos cuidadores, além dos idosos acima de 60 anos, gestantes, lactantes e pais ou responsáveis por crianças que não estejam frequentando escola em razão da pandemia. Os servidores que se enquadrem em uma dessas situações poderão atuar remotamente, e aos estudantes nesses casos será permitido cursar componentes oferecidos online ou realizar exercícios domiciliares, dentro do limite de oferta dos respectivos departamentos.

A definição pela retomada de atividades acadêmicas presenciais implicará também a necessidade de adaptações nos espaços físicos da Universidade, a fim de proporcionar condições de ventilação, higiene e acessibilidade adequadas, atendendo aos parâmetros do Plano de Contingência e dos planos de biossegurança de cada unidade universitária.

O texto da resolução será publicado em breve.

Carregue mais artigos relacionados
Carregue mais em Universidades Federais

Deixe um comentário

Vejam também

Andifes trata sobre recomposição orçamentária das universidades federais com ministra Simone Tebet

A diretoria executiva da Andifes se reuniu com a ministra do Planejamento e Orçamento, Sim…